Encontro Com a Palavra

Aplicação do Sermão do Monte

Pr. Dick Woodward      sexta-feira, 7 de julho de 2017

Compartilhe esta página com seus amigos

"Vocês são o sal da terra. Mas se o sal perder o seu sabor, como restaurá-lo? Não servirá para nada, exceto para ser jogado fora e pisado pelos homens.
"Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade construída sobre um monte.

E, também, ninguém acende uma candeia e a coloca debaixo de uma vasilha. Pelo contrário, coloca-a no lugar apropriado, e assim ilumina a todos os que estão na casa.

Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus".

Gostaria de convida lo a voltar ao topo do monte onde Jesus está ministrando o Sermão do Monte.

Eu gosto de chamar esse acontecimento de “O Primeiro Retiro Espiritual Cristão”.

Vimos nos programas anteriores que Jesus dividiu a multidão em dois grupos, uns formado por aqueles que são parte do problema, e o outro formado por aqueles que são parte da solução.

analisando o contexto no qual esse ensinamento foi dado, vimos que existe uma crise envolvida na conversão para o Cristianismo.

Observamos nesse ensinamento de Jesus que, Ele traça um perfil no caráter de um Cristão. Esse caráter é descrito através de oito atitudes bem-aventuradas.

A Aplicação do Sermão

Depois de apresentar as características do caráter cristão, Jesus continua falando sobre quatro metáforas que mostram o que acontece quando esse caráter cristão confronta a cultura pagã.

Ele ensinou aos Seus discípulos que eles são o sal da terra, a luz do mundo, a cidade edificada sobre o monte e a candeia (Mateus 5:13-16)

Essas quatro metáforas iniciam a aplicação do Sermão da Montanha e nós vamos analisar cada uma individualmente.

“Vós sois o sal da terra” A interpretação e a aplicação dessa metáfora é bem evidente e tem a ver com o fato de que o sal era a única maneira que eles tinham para preservar a carne naqueles dias.

Jesus estava dizendo que sem o sal o mundo se estraga como acontece com a carne e que seus discípulos eram o “sal” que preservaria o mundo da corrupção moral e espiritual.

No original a frase é mais enfática e diz: “Vocês e só vocês são o sal da terra”.

Outra interpretação possível dessa metáfora é que nenhum organismo vivo pode sobreviver sem o sal.

De acordo com essa interpretação, o que Jesus estava dizendo era basicamente isso: aquelas pessoas no sopé da montanha não têm vida.

Mas se vocês viverem de acordo com essas oito bem-aventuranças, serão um veículo através do qual essas pessoas encontrarão vida”.

“Vós sois a luz do mundo” Quando Jesus olhou para as multidões, ficou comovido, pois eram como ovelhas sem pastor, que não sabiam distinguir a mão esquerda da direita.

Quando você sabe o que as pessoas não sabem, você se torna a luz de que elas precisam.

Mais uma vez no original, o sentido é: “Vocês e só vocês são a luz do mundo”.

“Uma Candeia acesa” Basicamente, o que Jesus estava falando com essa metáfora era: “antes de você se transformar em uma das Minhas soluções, você era como uma vela apagada.

Mas agora que você experimentou o “novo nascimento” e se propôs a ser um dos Meus discípulos, sua luz tem que permanecer acesa.

Toda vez que se acende uma candeia, escolhe-se um velador especial para colocá-la”. Jesus estava dizendo que você é como uma candeia num velador.

A Cidade Sobre Um Monte

A Quarta metáfora é a da cidade sobre um monte que não pode ser escondida.

Se possuirmos as características das oito bemaventuranças em nossa vida, nosso testemunho a respeito de Cristo não passará despercebido.

Não existe nenhum discípulo secreto de Jesus Cristo.

Uma Tartaruga no Pau de Cerca

Será que você já viu alguma tartaruga num pau de cerca?

Se por acaso, algum dia, você olhar e vir uma tartaruga num pau de cerca, pode estar certo de uma coisa: alguém colocou a tartaruga lá, porque ela jamais subiria sozinha!

O discípulo de Jesus sente-se como uma tartaruga num pau de cerca!

Ele está lá estrategicamente colocado, mas sabe que sozinho jamais chegaria naquele lugar; ele sabe que não estaria ali se Jesus não o tivesse colocado.

Devemos olhar ao nosso redor para perceber qual é nossa posição estratégica dentro deste mundo e, como uma candeia no candeeiro ou uma cidade sobre o monte, estarmos conscientes de que vivemos onde vivemos porque o Cristo ressuscitado nos posicionou neste lugar a fim de sermos parte da solução para os problemas deste mundo necessitado!

Encontro Com a Palavra é um estudo escrito pelo Dr. Dick Woodward e narrado na voz do Pastor Edson Bruno.

Comentários

Siga-nos nas Redes Sociais e fique por dentro de todas as novidades...

Cadastre-se gratuitamente nos cursos do Ecncontro Com a Palavra

 

Clique no link abaixo e faça seu cadastro agora mesmo!

Últimos Artigos

O Evangelho Absoluto

segunda-feira, 30 de novembro de 2020

A Graça de Dar

segunda-feira, 23 de novembro de 2020

A Transcendência do Ministro

segunda-feira, 16 de novembro de 2020

A Transparência do Ministro

segunda-feira, 9 de novembro de 2020