Encontro Com a Palavra

Fatos da Salvação

Pr. Dick Woodward      terça-feira, 14 de março de 2017

Compartilhe esta página com seus amigos

Os Três Fatos da Salvação

Como o veludo preto sob os diamantes, o pecado, o seu poder e o seu preço destacam ainda mais o brilho dos três fatos da salvação.

Jesus Retirou a Pena do Pecado

O primeiro fato da salvação, é que Jesus Cristo removeu a pena do pecado.

Lembrem-se, as Escrituras se referem ao Evangelho como “Boas Novas”.

No diálogo que teve com Nicodemos, Jesus deixou claro que Ele é a Única Solução de Deus para o pecado, o Único Salvador.

O Pai não tem outro Salvador nem outra Solução (João 3:14-18).

Quando realmente ouvimos o que Jesus disse, percebemos que Ele foi dogmático e deixou todas as outras religiões num beco sem saída.

O Espírito Santo Tem Poder sobre o Pecado

O segundo fato é que o Espírito Santo pode imobilizar o poder do pecado na nossa vida.

O apóstolo João afirma em I João 4:4: “... maior é aquele que está em nós do que aquele que está no mundo”.

Esta é a boa nova: Só o poder de Deus é maior do que o poder do pecado, do mal e de Satanás.

Paulo nos ensina que quando nos apropriamos da graça de Deus, nos capacitamos para dominar o poder do pecado (Romanos 8:37-39).

A Justificação Faz Com Que Deus nos Veja Sem Pecado

O terceiro fato da salvação é um pouco mais complexo porque tem a ver com as manchas, cicatrizes e preço do pecado.

Aos olhos de Deus, até as manchas do pecado são removidas pelo perdão, conforme Davi escreveu no Salmo 103:12: “Quanto dista o Oriente do Ocidente, assim afasta de nós as nossas transgressões”; leia também Miquéias 7:19.

O termo “justificado” é uma das palavras mais bonitas na Bíblia e significa que quando confessamos um pecado e nos arrependemos dele, para Deus é como se aquele pecado nunca tivesse existido.

Além de o pecado ser perdoado, é removido. A justificação acontece em duas dimensões.

Às vezes as manchas e cicatrizes do pecado são irreversíveis para o homem.

Se uma pessoa comete um assassinato e mais tarde se converte a Jesus Cristo, aos olhos de Deus, é como se essa pessoa nunca tivesse pecado nem cometido assassinato. Mas não quer dizer que a fé em Cristo livre essa pessoa dessa situação.

Existem as conseqüências e a pessoa terá que arcar com elas.

Certa vez eu fui chamado à casa de um homem de oitenta e três anos de idade que tinha se convertido havia um ano.

Sua esposa me ligou e pediu para fazer uma visita ao seu marido e conversar com ele porque ele não parava de chorar.

Vi-o chorar e dizer: “meus filhos, meus filhos, meus filhos!”.

Depois que ele se controlou um pouco, perguntei-lhe o por quê daquele choro. Ele então me contou como havia maltratado seus filhos.

Dois deles estavam em hospitais psiquiátricos e ele se sentia responsável por ter arruinado suas vidas.

Aquele homem tinha realmente se convertido e, aos olhos de Deus, não havia manchas, cicatrizes nem penas a serem pagas. Mas as cicatrizes e manchas nas vidas de seus filhos ainda eram bem reais.

Algumas coisas não podem ser desfeitas. Não podemos, por exemplo, reconstituir um ovo quebrado.

Muitas cicatrizes são irreversíveis. É por isso que o apóstolo João escreveu: “estas coisas vos escrevo para que não pequeis” (I João 2:1).

É um erro tremendo passar a impressão aos jovens que existe alguma coisa de boa e divertida no pecado. Não existe nada de bom no pecado e nas suas conseqüências!

Deus pode fazer brilhar Sua graça e misericórdia se respondermos ao pecado da forma como Davi respondeu.

Deus pode sarar muitas cicatrizes, mas algumas manchas e cicatrizes são irreversíveis. É por isso que as Escrituras dizem que é melhor não pecar.

Jesus disse para a mulher que foi pega em adultério: “Nem eu tampouco te condeno; vai e não peques mais” (João 8:11).

Nunca deixe que seus filhos tenham a impressão de que existem vantagens em viver em pecado e depois ser salvos.

Infelizmente, o pecado se tornou epidêmico entre aqueles que professam ser discípulos de Jesus Cristo, por isso Deus quer que atentemos para a história do pecado de Davi e ouçamos a voz de Jesus dizendo “vai e não peques mais".

Encontro Com a Palavra é um estudo escrito pelo Dr. Dick Woodward e narrado na voz do Pastor Edson Bruno.

Comentários

Siga-nos nas Redes Sociais e fique por dentro de todas as novidades...

Cadastre-se gratuitamente nos cursos do Ecncontro Com a Palavra

 

Clique no link abaixo e faça seu cadastro agora mesmo!

Últimos Artigos

Como estão divididos os livros da Bíblia?

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021

Os Modelos de Ordem Para a Igreja

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2021

A Cronologia do Retorno de Cristo!

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2021

Fatos sobre a volta de Jesus!

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2021