Encontro Com a Palavra

O Livro de Atos

Pr. Dick Woodward      quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Compartilhe esta página com seus amigos

Os Atos do Cristo Ressurreto

O Livro de Atos é o único livro histórico do Novo Testamento e serve como elo entre os quatro Evangelhos e as treze cartas de Paulo.

Se não fosse esse livro histórico, quando você começasse a ler as cartas de Paulo, perguntaria: “quem é esse apóstolo chamado Paulo? Não vi nada sobre ele nos Evangelhos!”.

Sem esse livro que vamos estudar, estaria faltando um importante elo no Novo Testamento.

Os primeiros cinco livros do Novo Testamento poderiam ser considerados históricos.

Na verdade os quatro evangelhos, além de serem biografias inspiradas de Jesus, são também históricos.

Entretanto o Livro de Atos se distingue dos Evangelhos porque relata a história da igreja no Novo Testamento.

Este é o início do Livro de Atos: “Em meu livro anterior, Teófilo, escrevi a respeito de tudo o que Jesus começou a fazer e a ensinar, até o dia em que foi elevado ao céu, depois de ter dado instruções por meio do Espírito Santo aos apóstolos que havia escolhido.” (Atos 1:1-2)

A partir desses versículos temos conhecimento de que o autor do Livro de Atos é o mesmo que escreveu o Evangelho de Lucas e que ambos foram endereçados à mesma pessoa, a Teófilo, cujo nome significa “aquele que ama a Deus”.

Com certeza o escritor Lucas achou importante que esse homem Teófilo tivesse conhecimento desses dois importantes documentos.

No Livro de Atos, Lucas dá continuidade ao relato que iniciou com o Evangelho que tem o seu nome.

Lucas afirmou no seu Evangelho que faria um relato histórico e preciso de tudo o que Jesus fez até Sua ascensão.

Entretanto ele informa, que depois de Sua ascensão, Jesus continuou os Seus feitos, e os seus ensinos através dos apóstolos.

Por esta razão várias versões da Bíblia intitulam esse livro de “Os Atos dos Apóstolos”.

Depois de compreendermos a importância do dia de Pentecostes talvez pudéssemos considerar que o título “Os Atos do Espírito Santo através dos Apóstolos” fosse mais apropriado para esse livro.

Mas como o Apóstolo Pedro atribui todos os sinais e maravilhas do Pentecostes ao Cristo Ressurreto, ainda outro título, “Os Atos do Cristo Ressurreto Através dos Apóstolos” lhe fosse mais apropriado (Atos 2:32-33)

Observe que o Livro de Atos não tem um final. Sua narrativa simplesmente pára no capítulo 28.

Alguns estudiosos acreditam que Lucas tenha sido preso, e por isso não pode concluir o seu livro.

Outros acreditam que o livro não termina porque ele conta a história da igreja e essa história ainda está sendo escrita.

O Que Procurar no Livro de Atos

Como o Livro de Atos é histórico, você deve fazer a mesma abordagem que fez quando estudou os doze livros históricos do Velho Testamento.

Sobre a História dos Hebreus Paulo escreveu: “Essas coisas aconteceram a eles como exemplos e foram escritas como advertência para nós, sobre quem tem chegado o fim dos tempos.” (I Coríntios 10:11)

Por isso procure os exemplos e as advertências do Livro de Atos.

O Propósito da Igreja

Na leitura desse livro histórico, procure descobrir qual o propósito da igreja.

Nos últimos dias que Jesus passou com os apóstolos instituiu a chamada “Grande Comissão” que está registrada no final de cada um dos Evangelhos.

De acordo com Mateus, essas foram as últimas palavras de Jesus para os discípulos: “Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra.

Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei.

E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos.” (Mateus 28:18-20)

O livro histórico do Novo Testamento inicia como terminam os Evangelhos, ou seja, com a Grande Comissão.

A Grande Comissão possui uma ordem e esta é “fazer discípulos”.

Essa ordem imperativa de Jesus cumpre-se à medida que quatro ações acontecem com os verbos no modo gerúndio: indo, pregando, batizando e ensinando.

É exatamente isso o que o Livro de Atos descreve. Os apóstolos fizeram discípulos indo, pregando, batizando e ensinando.

Desde o seu começo, a Igreja teve como propósito a Grande Comissão, que é o “tratado da igreja”.

Como qualquer outra organização, a igreja deve cumprir os termos desse tratado para que não deixe de existir.

O Propósito Dado à Igreja

O primeiro versículo deste livro informa que antes de ascender ao céu, Jesus deixou os mandamentos para os apóstolos.

Além da Grande Comissão, Jesus também ordenou que eles esperassem a promessa do Pai (Atos 1:4-5)

Na Última Ceia Jesus prometeu que mandaria o Espírito Santo e agora, ordenou que eles aguardassem, e só dessem o primeiro passo em obediência à Grande Comissão, depois que a promessa fosse cumprida.

As Escrituras têm muito que nos dizer sobre esperar no Senhor.

Um dos meus sermões preferidos é o que Isaías pregou sobre esperar no Senhor: “mas aqueles que esperam no Senhor renovam as suas forças.

Voam bem alto como águias; correm e não ficam exaustos, andam e não se cansam.” (Isaías 40:31)

Encontro Com a Palavra é um estudo escrito pelo Dr. Dick Woodward e narrado na voz do Pastor Edson Bruno.

Comentários

Siga-nos nas Redes Sociais e fique por dentro de todas as novidades...

Cadastre-se gratuitamente nos cursos do Ecncontro Com a Palavra

 

Clique no link abaixo e faça seu cadastro agora mesmo!

Últimos Artigos

Como estão divididos os livros da Bíblia?

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021

Os Modelos de Ordem Para a Igreja

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2021

A Cronologia do Retorno de Cristo!

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2021

Fatos sobre a volta de Jesus!

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2021