Encontro Com a Palavra

O Propósito da Igreja

Pr. Dick Woodward      sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Compartilhe esta página com seus amigos

Nos últimos dias que Jesus passou com os apóstolos aqui na terra, Ele instituiu a “Grande Comissão” que está registrada no final de cada Evangelho.

O Livro de Atos inicia como terminam estes Evangelhos, ou seja, com a Grande Comissão, que possui a ordem de “fazer discípulos”.

Na Última Ceia Jesus prometeu que mandaria o Espírito Santo, e ordenou que os discípulos aguardassem, e só agissem depois que a promessa fosse cumprida.

As Escrituras tem muito a dizer sobre esperar no Senhor.

“... aqueles que esperam no Senhor renovam as suas forças. Voam bem alto como águias; correm e não ficam exaustos, andam e não se cansam.” (Isaías 40:31)

Quando Isaías disse ao povo de Deus para comportar-se como uma águia, ele estava ensinando uma importante lição sobre fé.

Quando uma águia vê que se aproxima uma tempestade, ela fica sentada sobre seu ninho por várias horas, esperando o momento de maior velocidade dos ventos.

Então ela salta num vôo de aproximadamente cinco metros acima do seu ninho, abrindo as asas e encontrando naqueles ventos fortes, a aerodinâmica necessária para voar acima da tempestade.

Quando lemos o primeiro capítulo de Atos temos essa visão da igreja como uma águia, esperando no seu ninho pelo forte vento do Espírito Santo que veio no dia do Pentecostes.

No segundo capítulo do Livro de Atos, observamos a águia saltando do ninho, confiando na força do vento para conseguir a aerodinâmica e voar acima das adversidades.

O Poder Dado à Igreja

O capítulo dois descreve a vinda do Espírito Santo no dia do Pentecostes.

Esse foi um dos eventos mais importantes de toda a história do povo de Deus, porque a igreja simplesmente não tem como cumprir o seu propósito se não tiver o poder do Espírito Santo sobre ela.

A Atuação da Igreja

Você deve estar lembrado de que no Sermão do Monte, Jesus não enfatizou o discurso que devemos ter, mas sim o nosso comportamento, as nossas atitudes.

De acordo com Jesus, o mais importante não é o que dizemos, mas sim o que fazemos.

Ele enfatizou esse princípio quando ensinou os apóstolos, e o mundo do primeiro século d.C. que foi impactado com as várias características da atuação da igreja primitiva.

Em primeiro lugar observamos a pregação dos apóstolos.

Encontramos pregações maravilhosas nesse livro e a primeira delas foi no dia do Pentecostes.

O resultado mais surpreendente do Pentecostes foi o acréscimo de três mil discípulos, resultantes da pregação de Pedro e os milhares que se converteram depois daquele dia. A pregação dos apóstolos era ungida.

Com isso quero dizer que o Espírito Santo vinha sobre eles quando pregavam.

Isso na Bíblia chama-se “unção” e representa a capacitação que é derramada pelo Espírito Santo sobre aquele que está pregando ou ministrando os dons do Espírito.

Dê uma atenção especial aos sermões de Pedro no Livro de Atos.

Aparentemente não havia nada de especial nele. Mas milhares de pessoas se convertiam cada vez que ele pregava.

Os resultados eram sobrenaturais porque Pedro tinha a unção do Espírito Santo sobre si quando pregava.

Os discípulos foram acusados de encher a cidade de Jerusalém com os ensinos de Jesus (Atos 5:28)

  • Será que hoje, nós, seguidores de Jesus, estamos capacitados para receber a mesma acusação?
  • Será que haveria evidências suficientes para recebermos tal acusação?
  • Afinal, o Que é Uma Igreja?

Igreja” é a tradução do termo grego “eclésia” que significa “assembléia do povo” ou “os chamados”.

Essa palavra significa “uma assembléia de fiéis seguidores do Cristo vivo e ressurreto, chamados para ter comunhão com Ele e uns com os outros”.

Na sua essência, a palavra “igreja” significa “povo”.

O Livro de Atos destaca pelo menos cinqüenta personagens da Igreja no Novo Testamento.

Esse Livro narra a história de pessoas absolutamente comuns, fazendo coisas extraordinárias porque foram ungidas e cheias do Espírito Santo de Deus.

O mesmo Deus e o mesmo Poder do Espírito estão disponíveis hoje para que façamos a obra de Jesus. (Mateus 28:18-20)

  • Como é que fazemos hoje, quando servimos ao Senhor?
  • Na presença de Deus esperamos pela unção do Espírito Santo que nos capacita, ou fazemos Sua obra com nossas próprias forças?

Uma das mensagens do Livro de Atos é que sem a ajuda de Deus não podemos fazer Sua obra.

Devemos, portanto, esperar pelo poder do Espírito Santo antes de tentarmos fazer a obra do Cristo vivo e ressurreto.

Encontro Com a Palavra é um estudo escrito pelo Dr. Dick Woodward e narrado na voz do Pastor Edson Bruno.

Comentários

Siga-nos nas Redes Sociais e fique por dentro de todas as novidades...

Cadastre-se gratuitamente nos cursos do Ecncontro Com a Palavra

 

Clique no link abaixo e faça seu cadastro agora mesmo!

Últimos Artigos

Como estão divididos os livros da Bíblia?

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021

Os Modelos de Ordem Para a Igreja

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2021

A Cronologia do Retorno de Cristo!

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2021

Fatos sobre a volta de Jesus!

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2021