Encontro Com a Palavra

Um Panorama de Fé

Pr. Dick Woodward      sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Compartilhe esta página com seus amigos

O Livro de Josué registra a conquista da Terra de Canaã, revelando "Um Panorama de Fé". Lendo este livro aprendemos como tomar posse das nossas bênçãos espirituais. Capítulo após capítulo é um relato de exemplos e advertências que mostram o que é e o que não é fé. Esses capítulos estão ligados por alertas sobre os perigos “do mundo, da carne e do diabo”.

A primeira coisa que veremos é o que chamamos de “A Transição da Fé”, a transição da liderança de Moisés para Josué: “Sucedeu, depois da morte de Moisés, servo do Senhor, que este falou a Josué, filho de Num, servidor de Moisés, dizendo:

Moisés, meu servo, é morto; dispõe-te, agora, passa este Jordão, tu e todo este povo, à terra que eu dou aos filhos de Israel. Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo tenho dado, como eu prometi a Moisés. Sê forte e corajoso, porque tu farás este povo herdar a terra, que, sob juramento, prometi dar a seus pais. Tão somente sê forte e mui corajoso para teres o cuidado de fazer segundo toda a lei que meu servo Moisés te ordenou; dela não te desvies, nem para a direita nem para a esquerda, para que sejas bem sucedido por onde quer que andares. Não cesses de falar deste Livro da Lei; antes, medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer segundo tudo quanto nele está escrito; então farás prosperar o teu caminho e serás bem sucedido”. (Josué 1:1-3) e (Josué 1:6-8).

Podemos observar nos primeiros capítulos do Livro de Josué o que chamamos de as “Perplexidades da Fé”. À medida que crescemos na fé, também nos deparamos com certos problemas que geram perguntas desafiadoras à nossa fé. Mas se pudéssemos eliminar todos os problemas e obstáculos que geram essas perguntas sobre a fé, eliminaríamos a necessidade de ter fé.

A personagem Raabe, no capítulo dois desse livro, é um dos pontos que, para muitas pessoas, gera perguntas a respeito da fé. Quando os homens do rei de Jericó foram à casa de Raabe procurar pelos judeus, ela os mandou em outra direção e Deus a abençoou por isso.

No capítulo da fé, Hebreus 11, Raabe foi lembrada como uma heroína da fé. Se observarmos essa história mais de perto, veremos porque Raabe foi mencionada como exemplo: “Pela fé, Raabe, a meretriz, não foi destruída com os desobedientes porque acolheu com paz aos espias” (Hebreus 11:31).

Quando os espias judeus foram até a casa de Raabe, ela lhes disse: “Bem sei que o Senhor vos deu esta terra, e que o pavor que infundis caiu sobre nós, e que todos os moradores da terra estão desmaiados... Porque o Senhor, vosso Deus, é Deus em cima nos céus e embaixo na terra”. (Josué 2:9-11).

Os espias judeus fizeram uma aliança com ela e prometeram poupar sua vida. Como ela foi salva? A fé dela a salvou. Ela creu que o povo judeu era o povo de Deus e que o Deus dos judeus era o Deus vivo e verdadeiro. Raabe passou a fazer parte do povo de Deus porque teve fé.

No capítulo três encontramos “A Afirmação da Fé”. Quando Deus tenta nos dar fé para entrarmos na nossa Canaã espiritual, Ele geralmente prova nossa fé para nos encorajar. Vemos isso na vida de Gideão que colocou Deus à prova com o novelo de lã e Deus os honrou. Davi afirma que “O Senhor firma os passos do homem bom” (Salmo 37:23).

Isso significa que quando tomamos um passo de fé, Deus abençoa e confirma esse passo.

Neste capítulo três, Deus provou a Josué e ao povo que Suas bênçãos estavam sobre esse líder, assim como estiveram sobre Moisés. Deus também operou milagres para fortalecer a fé do povo. O propósito desses milagres era mostrar que Deus estava com ele e que o abençoaria com a vitória, quando ele atacasse cidades fortificadas, como aconteceu com Jericó.

No capítulo quatro, os filhos de Israel construíram um “Altar de Fé”. Quando eles tinham que atravessar o rio Jordão, mesmo sendo época das cheias, as águas se partiram e eles atravessaram sobre terra seca. Ao finalizar a travessia, construíram um altar de pedras como memorial por esse milagre, para que seus filhos nunca se esquecessem do que Deus lhes fizera por esse ato de fé. No capítulo cinco aprendemos sobre “Os pré-requisitos da Fé”.

Antes de invadir Canaã, eles receberam a ordem de circuncidar todos os homens do povo. Essa segunda geração ainda não tinha sido circuncidada. Como vocês se lembram, a primeira geração já tinha morrido. Essa história é um belo exemplo de autêntica fé. Antes de você entrar na Terra Prometida das bênçãos de Deus, deve observar se há algum pecado em sua vida ou alguma coisa da qual você tenha que se apartar.

Quando estudamos o livro de Gênesis, aprendemos que muitos crentes professos preferem contornar o altar do arrependimento, o mesmo que Abraão construiu na sua caminhada de fé. Essas pessoas não permitem que Deus trate dos seus pecados. Devemos nos arrepender antes de nos posicionarmos para receber as bênçãos de Deus que são resultado da nossa fé.

É isso que esse mandamento da circuncisão representa. A circuncisão de todo o povo de Israel representou um comprometimento de fé em seus corações. O significado de circuncisão que encontramos no Velho Testamento é muito semelhante ao significado do batismo no Novo Testamento.

No final do capítulo cinco encontramos “Um Chamado de Fé”. Josué tinha ordenado que nenhum soldado empunhasse a espada. Qualquer exército acampado a leste do Jordão em completa escuridão poderia facilmente sofrer infiltração do inimigo e ser atacado.

Por isso eles receberam a ordem para não ficar com a espada na mão. Se vissem alguém com a espada na mão, saberiam de imediato que se tratava de um inimigo e poderiam reagir imediatamente.

Na noite anterior ao ataque de Jericó, Josué estava andando pelo acampamento quando viu um homem com uma espada na mão e perguntou: “És tu dos nossos ou dos nossos adversários?”. E a resposta foi: “Sou príncipe do exército do Senhor!”. A Bíblia conta que Josué caiu diante deste homem, adorou-O e disse: “Que diz meu Senhor ao seu servo?”. O Príncipe do Exército respondeu: “Descalça as sandálias dos pés, porque o lugar em que estás, é santo”. Foi isso que Josué fez (Josué 5:13-15).

Encontro Com A Palavra é um estudo escrito pelo Dr. Dick Woodward e narrado na voz do Pr. Edson Bruno.

Comentários

Siga-nos nas Redes Sociais e fique por dentro de todas as novidades...

Cadastre-se gratuitamente nos cursos do Ecncontro Com a Palavra

 

Clique no link abaixo e faça seu cadastro agora mesmo!

Últimos Artigos

O Evangelho Absoluto

segunda-feira, 30 de novembro de 2020

A Graça de Dar

segunda-feira, 23 de novembro de 2020

A Transcendência do Ministro

segunda-feira, 16 de novembro de 2020

A Transparência do Ministro

segunda-feira, 9 de novembro de 2020