Encontro Com a Palavra

Uma História Sobre Pedro

Pr. Dick Woodward      sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Compartilhe esta página com seus amigos

Enquanto Pedro tirava uma soneca no terraço de uma casa, teve uma visão de um lençol suspenso pelos quatro cantos.

Nesse lençol havia vários animais que aos judeus era proibido comer. Pedro disse várias vezes: “Jamais! Jamais vou comer esse tipo de carne”.

Foi quando bateram na porta da casa.

O Espírito Santo tinha avisado Pedro que ele deveria acompanhar aqueles homens que batiam na porta e faziam perguntas.

Esses homens eram servos de um centurião romano chamado Cornélio.

Eles explicaram que Cornélio teve uma visão enquanto orava, na qual recebeu instruções para que mandasse seus servos até a casa de Simão, o curtidor, e perguntasse por um homem chamado Pedro, que diria o que ele e toda sua casa deveriam fazer para ser salvos.

Pense no preconceito que Pedro teve de superar. Cornélio, além de ser gentio, era inimigo de Pedro.

Os judeus se referiam aos gentios como a cachorros, porque acreditavam que uma pessoa que não fosse judia tinha a consciência espiritual desse animal.

Na verdade para o judeu era proibido até mesmo entrar na casa de alguém que não fosse judeu.

E agora Pedro tinha sido instruído a anunciar a salvação na casa de um gentio e centurião romano!

Quando Pedro chegou na casa de Cornélio, encontrou toda sua família reunida para ouvir a pregação do Evangelho.

Nesse momento Pedro entendeu o significado da visão. Aqueles animais impuros representavam os gentios, pessoas consideradas impuras.

As primeiras palavras de Pedro foram: “Vocês sabem muito bem que é contra a nossa lei um judeu associar-se a um gentio ou mesmo visitá-lo. Mas Deus me mostrou que eu não deveria chamar impuro ou imundo a homem nenhum. (Atos 10:28)

Enquanto Pedro pregava o Evangelho, aconteceu algo semelhante ao que aconteceu no dia do Pentecostes.

A Bíblia conta que “caiu o Espírito Santo sobre todos os que ouviam a palavra”. (V.44)

Esse Pentecostes aconteceu quando o Cristo ressurreto cruzou as barreiras do preconceito entre o mundo judeu e o mundo gentio, para edificar Sua igreja.

Como Fazer Discípulo

Como exatamente fazemos discípulos? Tem uma história no Livro de Atos que responde a essa pergunta.

A história de um homem chamado Filipe, um dos diáconos que, como Estevão, exercia um padrão espiritual prático e passou para um padrão pastoral tornando-se um evangelista.

Este viajou para Samaria e lá teve um ministério evangelístico frutífero.

Durante essa cruzada evangelística, o Senhor falou com Filipe através de um anjo: “Vá para o sul, para a estrada deserta que desce de Jerusalém a Gaza". (Atos 8:26)

Geralmente a maioria dos evangelistas vai para as cidades; Filipe obedeceu e foi para o deserto.

Chegando lá, Filipe viu uma procissão de carruagens reais que atravessavam o deserto, e o  Espírito Santo o levou a uma carruagem em particular.

O texto do original em grego sugere que “aquela carruagem se distinguia das outras”. É por isso que sabemos que era uma caravana de carruagens.

Quando Filipe se aproximou daquela carruagem, encontrou o tesoureiro da Etiópia lendo o capítulo 53 do Livro de Isaías.

Esse etíope que era um político, provavelmente tinha viajado da Etiópia para Jerusalém porque estava espiritualmente faminto.

Mas quando chegou em Jerusalém encontrou o mesmo tipo de religião vazia e sem amor que Jesus tanto combateu.

Ele não encontrou em Jerusalém, o que procurava, mas conseguiu sair de lá com uma cópia do livro de Isaías.

Esse era o texto que ele estava lendo em voz alta: “Todos nós, tal qual ovelhas, nos desviamos, cada um de nós se voltou para o seu próprio caminho; e o Senhor fez cair sobre ele a iniqüidade de todos nós”. (Isaías 53:6)

Filipe perguntou ao etíope: “O senhor entende o que está lendo? Ele respondeu: Como posso entender se alguém não me explicar?” (Atos 8:30 e 31)

Filipe subiu na carruagem e foi com ele, explicando que aquela passagem de Isaías anunciava o Evangelho de Jesus Cristo.

Estas duas histórias devem ser estudadas junto, porque são histórias que mostram como fazer discípulos.

Encontramos nessas duas narrativas referentes a Filipe e Pedro, a fórmula de como fazer discípulos para Cristo.

Encontro Com a Palavra é um estudo escrito pelo Dr. Dick Woodward e narrado na voz do Pastor Edson Bruno.

Comentários

Siga-nos nas Redes Sociais e fique por dentro de todas as novidades...

Cadastre-se gratuitamente nos cursos do Ecncontro Com a Palavra

 

Clique no link abaixo e faça seu cadastro agora mesmo!

Últimos Artigos

A Graça de Dar

segunda-feira, 23 de novembro de 2020

A Transcendência do Ministro

segunda-feira, 16 de novembro de 2020

A Transparência do Ministro

segunda-feira, 9 de novembro de 2020

A Tarefa do Ministro

segunda-feira, 2 de novembro de 2020